Big chop vs transição capilar: qual escolher?

sexta-feira, julho 03, 2015

Oi!
Hoje irei falar um pouco sobre dois processos pelos quais a maioria das crespas, cacheadas passam em busca do tão sonhado cabelo natural: o big chop (grande corte) e a transição capilar.

Suponho que uma parte de vocês já me conhece de outros carnavais quando eu ainda era a moemablog.com, uma época na qual usava meus fios alisados a muito tempo (Mais de dez anos!). Então imaginem que, quando resolvi voltar ao meu cabelo natural tive me deparar com o seguinte dilema: fazer logo meu big chop ou continuar a minha transição capilar.



Embarcar na aventura do cabelo natural pode ser assustador. Porque algumas mulheres sofrem por antecipação apenas com a ideia de cortar o cabelo. Sobretudo quando essas possuem cabelos longos e densos. O que não foi o meu caso sempre fui meio desapegada com o meu cabelo.



Experiências a parte, cortar a parte com química ajudará a evidenciar o seu novo cabelo natural. E há duas maneiras para alcançar isto: realizando o big chop imediatamente ou pela transição capilar.
Como tudo na vida há os prós e os contras de ambos os métodos que devem ser considerados. Vou listar alguns para ambos, e você decide qual método funciona melhor no seu caso!

Big Chop (grande corte)

Quando você resolve cortar totalmente a parte relaxada ou danificada de uma vez só. Isso pode ser feito em qualquer fase da sua transição. 


Nas fotos, o meu próprio big chop feito aos 8 meses de transição

Prós

Você conhece sua textura de cabelo mais cedo. Eliminar tudo de uma vez, permite que você comece a aprender a cuidar do seu cabelo crespo como ele cresce. Você só precisa se preocupar com uma textura. Seus conhecimentos e seu cabelo crescem juntos. Esse momento você descobre como cabelo curto é prático. Tudo parece rápido da hidratação até a finalização dos fios.

Contras

Você pode não estar pronta ainda. Você pode ficar chocada com a transformação radical. Muitas passam por isso. Cortar um monte de cabelo de uma vez só parece muito assustador quando a ideia de voltar ao natural é nova. Big chop é um grande passo, e nem todos podem estar prontos a assumir um compromisso como esse.


Transição

Significa deixar o cabelo crescer e ir cortando aos poucos a parte com química. Uma transição pode durar o tanto que você desejar, não importa se serão duas semanas ou dois anos.




Prós

Facilidade para lidar com o processo de retorno ao natural. É como se antes de entrar no mar você colocasse os pés aos poucos para sentir a temperatura da água. Diferente do big chop que você mergulha de vez. A ideia de cortar aos poucos deixam algumas pessoas mais confortáveis pois oferece a elas tempo para desenvolver a aceitação pelos fios naturais.

Não há o que temer afinal você controla o seu comprimento. Quando não quiser manter a parte processada ou danificada, pode decidir quando corta o seu cabelo.
Você começa a experimentar estilos diferentes, sem se comprometer demais. Quando se der conta já estará toda natural. 

Contras

Lidar com duas texturas de cabelo é sem sombra de dúvidas a parte mais temida da transição. Você percebe que é difícil um produto que agrade as duas. Parece terrível a ideia de sair de casa com duas partes completamente diferentes de cabelo sobre olhares de pessoas que, por vezes, não conhecem tal processo e te julgam como desleixada.

Fazer penteados para cachear a parte com química é uma solução eficaz mas lamentavelmente você descobrirá que são demorados e duram pouco. Opções de penteados para texturizar não faltam: twists, bantu knots, curl forms...

E agora?
Ainda tem a parte de encontro do seu cabelo natural com o relaxado. Se trata de uma parte frágil e propensa a quebras. Isso significa que você deve ser bem gentil durante a lavagem, condicionamento e ao desembaraçar.

Decidir um caminho quando se deseja ter o cabelo natural é algo muito pessoal. Ninguém deverá escolher por você. Trata-se de pesar os prós e os contras e decidir o que é melhor para a sua história capilar. Qualquer uma das opções, certifique-se de focar na saúde dos seus cabelos e na sua felicidade. A satisfação no final chega independente do caminho escolhido. Palavra de uma pessoa que sobreviveu a transição capilar e usa o cabelo natural há 1 ano e 5 meses. 



Youtube | Instagram | Fan Page | Twitter

Beijos e sucesso! 


Leia também

1 comentários

  1. Moema, sabe que eu tô na transição trançando o cabelo? acho menos sofrível, mas tem uma amiga minha que fez big chop e está realizada... ainda não tenho coragem, tô deixando a raiz crescer mais, e a trança ajuda muito no crescimento.

    Abraços :*
    Bruna Marconi

    ResponderExcluir