Clássicos do cinema que você TEM que assistir

quinta-feira, janeiro 31, 2013

  Com a ajuda de amigos-cinéfilos, criei uma lista dividida em duas partes (a segunda parte você confere próxima semana) de filmes clássicos e legais, que você TEM que assistir. Acredita que existem pessoas com preconceito de filme antigo? Por isso mesmo que às vezes não sabem escolher uma boa estreia. Confira as indicações e fique mais antenado(a).






Cantando na chuva                                                                                            
Diretor: Gene Kelly
Ano: 1956

Um poste, muita água e um rapaz dançante com um guarda-chuva a tiracolo: com certeza você já viu essa cena. Não é para menos. Afinal, esse é um dos filmes que marcam a passagem do cinema mudo para o falado. E é justamente esse o tema da história, que mostra um casal de atores que precisa se adaptar a uma nova forma de fazer cinema. A metalinguagem não é linda nessas horas? Isso não é fácil para a mocinha Lina Lamont (Jean Hagen), que não tem uma voz tão boa quanto seu par romântico, o galã Don Lockwood (Gene Kelly, o diretor). Ah, e sabe a cena da chuva? Ela foi regravada tantas vezes, que Gene teve febrão e gripe!




Clube da Luta                                                                                                     
Diretor: David Fincher
Ano: 1999

Foi o filme que mostrou que Brad Pitt era muito mais que o rostinho mais lindo de Hollywood, como muitos pensavam. A história é de Jack (Edward Norton), um grande empresário que decide procurar uma forma de extravasar seu cansaço. É, então, que conhece Tyler Durden (Brad Pitt), o cara que o leva para um clube onde a pessoas descarregam suas energias dando porradas uma nas outras. Apesar de violento, o filme é muito divertido, e mostra até onde podem ir os limites do ser humano. Além disso, influenciou muitos filmes do gênero, produzidos depois.




Dr. Fantástico                                                                                                     
Diretor: Stanley Kubrick
Ano: 1964

Esta obra mostra um outro lado do diretor Stanley Kubrick, que, até então, era conhecido por seus filmes racionais e, ao mesmo tempo, filosóficos. Porém, mesmo sendo uma comédia das boas, não deixa de ser polêmico, como as outras obras de Kubrick. Isso porque critica o momento político que o mundo vivia na época em que foi lançado (a guerra fria), contando a história do militar Jack Ripper, que queria bombardear a antiga União Soviética de maneira tão inconsequente que chegava a ser hilária. O longa brinca com a "fascinação" que as potências mundiais têm por guerra e armas.



A vida de Brian                                                                                                  
Diretor: Terry Jones
Ano: 1979

O grupo de comédia inglês Monte Phyton fez diversos filmes, todos muito bons. Mas este é top. Ele conta a história de um judeu, Brian Cohen (Grahan Chapman), que nasce na manjedoura ao lado de Jesus Cristo e, por isso, muitas vezes é confundido com um messias. Claro que a igreja católica foi contra o lançamento da obra, alegando que não é correto "brincar" com a história de Jesus. Mesmo assim, o filme foi lançado e, para completar, virou clássico.



Casablanca                                                                                                        
Diretor: Michael Curtiz
Ano: 1942

É uma das mais apaixonantes histórias de amor do cinema, e está em TODAS as listas de melhores filmes de todos os tempos. Prova de que nem toda produção antiga é chata. A história se passa na cidade marroquina de Casablanca, rota alternativa para militares que fugiam da pressão nazista, na Segunda Guerra. Rick Blaine, o protagonista, é dono de um bar que ajuda muitos soldados. Até o dia em que sua paixão antiga aparece lá, ao lado do marido, pedindo socorro. Quando foi gravado, o filme não teve grande investimento, e nenhuma pretensão de se tornar clássico.


Segunda parte do post -  só semana que vem.

Leia também

4 comentários

  1. ADOREI o post, querida! Já estou ansiosa para o próximo e já tenho novos filmes na lista de quero ver, rs.

    Beijo grande :*

    ResponderExcluir
  2. Bom, nunca assisti nenhum desses... mais vou perder o preconceito e assistir! bjuuu

    ResponderExcluir
  3. Moema!
    Ficou otimo o post... E otimss essas dicas! Bjo

    ResponderExcluir
  4. Preciso assistir estes clássicos, é até vergonha pra mim não ter visto ainda.

    Vou anotar todos.
    bjoks

    ResponderExcluir