Água para elefantes (2011)

quarta-feira, março 21, 2012


Não tinha nenhuma expectativa para o filme estrelado pelo Robert Pattinson (Jacob Jankowiski) e Reese Winterspoon (Marlena). Na verdade foi por causa dos comentários das amigas a respeito que fiquei curiosa para assisti-lo. Domingo à noite (dia do sofá) estava passando no telecine Premium e depois de negociar com a minha mãe ela concordou em ceder o horário para assistimos juntas. ebaaaaaa!
 Se alguém me perguntasse o que mais curti no filme diria que foi a elefante Rosie. Muito fofa! Deu uma agitada boa e norteou o filme. É claro que gostei do roteiro, da fotografia belíssima que explora muito bem a ludicidade do circo, do casal principal. Tenho que discordar da crítica que li achei que eles tinham química em cena e a estória de amor das personagens foi linda.

Embora tenha ressaltado este lado, Água para elefantes não é um filme altamente romântico e sim repleto de tensão como um bom filme dramático. Quero destacar a bela atuação do  Christoph Watz como August (dono do circo), fiquei com muita vontade de pular para dentro da tv e enche-lo de pancadas. Mas, o que acontece com a personagem defendida por ele é trágico o suficiente para findar a minha repulsa. Vários temas tratados na periferia do filme colaboram para enriquecer o enredo, como o abuso de poder, violência contra a mulher, violência contra animais, o lugar do idoso na sociedade.

 Sinopse

O que gostei também foi o esquema adotado narrador-personagem, Jacob idoso relatando suas experiências da juventude. O tempo retratado é 1931, os Estados Unidos passava por um período econômico difícil. A personagem, Jacob Jankowiski, estudante de medicina veterinária perde tudo que tem: família, lar. Para lidar com isso arranja emprego num circo que passa pela cidade. E aí a estória começa a se desenrolar. O filme tem este quê histórico super envolvente e mesmo que você não goste do casal de atores principais (O que acho um pouco difícil) você vai gostar do filme. Confesso uma coisa fiquei muito a fim de ler o livro! Nota: 8,0

Leia também

0 comentários