Como vai seu blog fora da internet?

sexta-feira, dezembro 30, 2011

 O mundo já entrou em contagem regressiva para 2012, muitas águas rolaram neste ano, por exemplo, pude conhecer novas leitoras e fico muito feliz por isso. Sendo assim queria agradecer a companhia de vocês que alegraram meus dias com seus comentários, em especial a Aline da agenda blizz que me incentivou a continuar quando pensei em desistir de tudo.  Foi um ano de muito trabalho para mim,  muitos altos e baixos, muitas pessoas especiais entraram na minha vida e quando penso que o ano passou tão rápido... Outro dia estava na praia da Barra esperando a grande virada de 2010 para 2011 com a minha familia.  Ouço um rio de críticas negativas, vindas veja só, da minha mãe. As frases mais escutadas por mim este ano foram: - Menina, você vai perder sua juventude na frente do computador e a clássica: - Quem é que lê essa maluquice?


Doce desconhecido
 Não sei as outras blogueiras mas vejo a minha mãe como espelho daquelas pessoas que não dão importância a blogs.  Só que no caso da minha mãe não a culpo, ela não manja muito de informática, apenas sabe os procedimentos básicos e olhe lá. Contudo, quando percebo que as críticas partem de uma pessoa que apenas quer gerar um mal-estar prefiro ignorar. Uma amiga veio me perguntar pra que serve um blog, eu disse meio contente, e ela me olhou com aquela cara de -Nossa que inutilidade! Outro dia estava visitando o Trenchy teen e um post me chamou a atenção, nele a autora falava exatamente isso, ela não divulga o blog dela porque na cidade dela tem gente que nem liga, ela é umas poucas que tem e não vale a pena ficar tentando convencer ninguém.  Vivi e vivo isso, é tanto que quando a minha amiga Carol disse que viu o blog nem acreditei. E ela disse que eu estava no curso errado (para quem não sabe eu estudo letras), que gostou do blog e tal.
Sou blogueira desde os meus doze anos, tive blog de tudo que é tipo: literário, cute cheio de gifs piscantes, variedades, pessoal e por ai vai. Essa história de ser famosa não me passava pela cabeça e até hoje tenho uma neurose sobre isso. Não quero tratar meu blog como obrigação, porque me conheço sei que se resolver deixa-lo ao gosto do capitalismo vou acabar abandonando. Não me pergunte porque, eu sou assim. Me desculpem pelo tamanho do post mas precisava desabafar. Alguém passa/passou por algo semelhante? Alguém?

Leia também

2 comentários

  1. Aqui em casa ninguém liga também. Só eu e minha irmã que temos e podemos compartilhar nossas loucuras bloguísticas e é bom ter alguém assim por perto, senão estava só! Mas sinto vocês amigas blogueiras por perto, mesmo a gente não se conhecendo, tenho carinho grande por todas! bjoks flor e feliz 2012! Muita saúde, paz e Deus no coração!

    ResponderExcluir
  2. De nada Moema... Que bom q vc continuou, gosto muito de seus artigos, este até me fez refletir, sabe que eu penso da mesma maneira, mas encontrei uma forma mais legal de explicar pra essas pessoas que desconhecem e fazem cara de nojinho, logo logo escrevo sobre isso...bjus xau xau

    ResponderExcluir