Coisas irritantes em um ônibus

domingo, julho 31, 2011

 
Tá pensando que andar de ônibus é fácil? Imagine a seguinte situação: Você está no ponto, um ponto que, diga-se de passagem,  mal te protege do sol, quem dirá da chuva você fica um tempão esperando o seu ônibus e, para variar quando ele aparece é cheinho de calor humano. Estes já são motivos suficientes para se estressar não é? Repense um pouco porque eu consegui encontrar outros fatos que podem deixar a sua viagem ainda pior.
Este post foi totalmente inspirado na situação de milhares de cidadãos que assim como eu moram nas grandes capitais e tem a "sorte" de usar transporte público para se locomover. Vamos aos fatos:


Motoristas furiosos
Toda vez que entro num ônibus rezo. Sabe aquele motorista mal encarado que passa do ponto, vê um idoso no ponto pedindo o ônibus e não para. Tem uma pressa nunca vista e fecha a porta do busu sem nem se dar conta se todos estão dentro do transporte.  Sem contar os que apostam corrida com os "coleguinhas" como se estivessem competindo pra vê quem arremessa os passageiros pra fora do veículo primeiro. Claro, que existem as exceções: uns que param para os idosos, gestantes e mães com meninos no colo sentarem.

Gente sem noção
Se quiserem encontrar uma miscelânea de estilos, educação e tudo mais peguem um ônibus. Assim como tem pessoas educadinhas, tem os indivíduos que colocam sacolas numa das cadeiras, deixam as crianças (aquelas que não pagaram transporte) sentadas nas cadeiras enquanto você fica em pé.  E, quando você está com algo nas mãos, o busu* tá lotado e nem sequer olham pro lado. Tem também o sujeito que não sabe o que é um fone de ouvido? deixa o celular no volume máximo tocando aquelas musiquetas que na mente dele agradam a todos. Já ia me esquecendo do pessoal que conversa como se a pessoa estivesse a dois mil metros de distância... ai ai



Idosos malvados
Tem aquela situação: Quando um idoso entra e você perceber que apesar de ter pessoas sentadas nos lugares reservados para os idosos, ninguém vai levantar. Todas as lições de moral e boa educação recebida na infância começam a consumir a sua mente.  Você levanta, algumas pessoas olham pra você, oferece o lugar e uma senhorinha diz com um olhar perdido: - Não precisa não! Pode ficar! Senta novamente e fica meio tenso com a situação. E tem aquela vez, quando você está descendo e tem um montão amontoado em frente a porta? Se acontecer de alguém que está atrás empurrar e tu esbarrar em algum deles então... VIXE!

Pessoas baixo astrais ou mal encaradas
Nesta categoria se encaixam os baderneiros do fundão, aquele pessoal que senta no braço da sua cadeira, os que se esfregam em mulheres dentre outros que nem vale a pena comentar.

Balbúrdia
 Justamente onde tem escrito: - Não pode viajar nas escadas! é onde tem gente sentada, ou pior quando o ônibus está tão cheio que deixam o povo viajar pendurado nas portas.

Nota:  *Busu: Expressão vernacular baiana, especialmente soteropolitana para se referir a ônibus.

Agora é com você. Se identificou com alguma situação, tem algo a acrescentar? Comente!

Leia também

1 comentários

  1. E o engraçado é que quem escuta música no último volume do celular nunca tem bom gosto, né? Adorei o post, muito diferente!

    ResponderExcluir