Inverno 2011

  Salut! A temperatura caiu e chegou a hora de conferir o guarda-roupa. Será que estamos preparadas para encarar o inverno? Nos desfiles da temporada a gente viu muitas tendências: romântico, alfaiataria, folk e colegial. A dúvida que nos aflige é: como tornar aquelas propostas da passarela usáveis?











Tudo que escrevo aqui são minhas opiniões a respeito e não um simples copiar e colar de revistas de moda ok? Quero que fique claro que existe uma pesquisa antes de qualquer publicação no blog.



Qual seu estilo predileto? Opine!

Random facts

 Tinha dito anteriormente que ia trazer novidades e não estava brincando.  Um belo dia estava em casa, meio deprimida folheando um álbum de fotos de família. Quando percebi estava sorrindo pra fotografia. Foi ai que surgiu a idéia de tirar fotos do dia-dia e posta-las aqui.

  Por isso, nada melhor que uma explicação visual por passar um mês sem postar. hehehe

Universidade de letras = Livros, livro e mais livros. Dona Cláudia me convenceu a ler A Cabana.  O manual de linguistica é pra ver se finalmente consigo grudar os tios Chomsky e Saussure na cabeça. Luanda, beira, bahia trata do hibridismo identitário do povo baiano. Narrativo, do jeitinho que eu gosto!


Badernaaa! Presciso arrumar o quarto urgentemente, dar umas roupinhas, arranjar lugar para as novas. Depois que fotografei bateu uma vergonhinha... Preguicite sai deste corpo que não te pertence!

Voltei a costurar! \o/ Não sei se havia comentado aqui mas, minha tia me deu umas manequins que estavam encostadas no armário e, eu aproveitei os feriados para escolher uns projetos. O projeto junino é esta saia de cintura alta. O tecido eu não mostro porque quero fazer uma surpresinha.

Comment allez vous? hehehe Comecei um curso no Livemocha em abril do ano passado e depois levei longos meses sem estudar. Vi um post da bonitaflor sobre estudo de línguas e aquilo me motivou a retomar os meus estudos.  Tô cheia planos para quem sabe encarar minha primeira viagem internacional. Me aguarde! XD

Pesquisando e atualizando o repertório de modas.  Tenho a mania de folhear as revistas em busca de inspiração para compor meus looks. Sou praticamente a consultora de estilo da minha mãe e você não tem ideia de quanto Dona Ana é exigente. hehehe

Look do momento: Vintage mix

Ontem a noite fui assim ao teatro. Tinha uma cara que não postava look né? Quem tava com saudade dos looks da magrela levanta a mão \o/\o/
 
  Casaco aveludado Riachuelo - Vestido floral com renda sem marca - meia de poás Lupo - sapato oxford bicolor - Pelúcia acervo pessoal - Nas unhas: preto fosco da risqué + Na mira da Impala

Antes que me tache de louca já estou sentindo sintomas do inverno quando saio, principalmente a noite, ás vezes chove e faz um friozinho delicioso.  Isso explica perfeitamente o sapato, a meia e o casaquinho aveludado. A última foto é a tara por bolinhas (principalmente peludas e limpinhas que andam pela minha casa).


 Estou usando também o batom vermelho glam da coleção Make B - O boticário. (Meu novo xodó : D) e a paleta de sombras expresso da Avon.



Por fim, uma certa mademoiselle sempre dizia: - O que é bonito é para se mostrar! E, assim o ditado caiu no gosto popular...
 

Matrioskas

 Estou sentindo uma tendência pra breve: Matrioskas!  Para quem nunca ouviu falar ou, se ouviu não ligou o nome ao objeto, matrioskas (mamuskas) são aquelas bonequinhas russas feitas geralmente de madeira que ao abrir tem outra e outra... Até cansar.



 Sempre achei o mecanismo das matrioskas bem interessante e meu sonho era ter gigante (tipo assim 1 metro de altura) para enfeitar a sala de estar. hehehe  Sou uma menina curiosa e logo, quis saber a origem das charmosas bonecas. Sendo assim, resolvi pedir ajuda a mãe das respostas impossíveis aka Wikipédia.

 Provável estória da matrioska
(...) um senhor que esculpia e vendia bonecas uma vez fez uma boneca tão bonita que não quis vendê-la, levou para a sua casa e colocou no seu criado mudo e deu o nome a ela de Matrioshka. Todas as noites antes de dormir, perguntava a Matrioshka se estava feliz. Até que em certa noite Matrioshka pediu um bebê. Então o senhor esculpiu uma boneca menor chamada Trioshka, serrou a Matrioshka e colocou o bebê dentro dela. Mas logo na noite seguinte, a Trioshka também pediu um bebê. E lá se foi o senhor e fez uma boneca e colocou dentro da Trioshka, desta vez a bebê se chamava Oshka. Assim seguindo o caminho das outras, na noites seguinte Oshka pediu um bebê e lá se foi novamente o senhor fazer mais um bebê. Só que desta vez pensando que isso não iria acabar mais, o senhor fez o bebê e desenhou rapidamente um bigode nele e o chamou de Ka, garantindo que seria homem e não iria pedir um bebê novamente.

Quem quiser se aventurar e criar a sua própria matrioska de feltro abaixo um excelente tutorial. Se fizer envie a foto para eu colocar no tumblr do blog ok?


Clique na imagem para ampliar


A moda matrioska tem futuro? Dê a sua opinião!

Novo layout

Foi com grande alegria que mudei o layout do blog (pela centésima vez, eu sei!). Algumas leitoras já sabem que tenho o hábito de trocar o visual diversas vezes, e se já fiquei com o mesmo layout por três meses foi bastante tempo. rs
Desta vez vai ser diferente porque estou encantada com o modelo e nem tô com tanto tempo pra desenhar. Antes que pergunte o lay foi assinado pela bonita flor aka Jess,  um presentaço que coube como uma luva.  Quero aproveitar para agradece-la mais uma vez, pela paciência que teve com uma sujeita tão indecisa como eu e pelo esmero.
Percebeu que meu plano de fundo está totalmente in love? Pretendo muda-lo de acordo com meu estado de espírito. Ai estou tão feliz... é sinal de que vem coisa boa por ai.  Me aguarde!